Centro de Formação Ciência Viva - Acções de curta duração

 

 

O Centro de Formação Ciência Viva é reconhecido pelo Ministério da Educação, desde 2007, através do Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua de Professores, com o número CCPFC/ENT-NI-0133/17. A actividade da Ciência Viva ao nível do desenvolvimento profissional/formação distingue-se pela proximidade da comunidade científica, pela metodologia inovadora focada no IBSE e nas dinâmicas de trabalho directo com professores, onde estes estão no centro de todo o processo formativo, e pelo contexto em que decorrem as aprendizagens.

 

AÇÕES DE CURTA DURAÇÃO


Observação da Terra e Alterações Climáticas

Códigos de docência 420, 500, 510 e 520

A utilização dos satélites é da maior importância para a observação da Terra e no estudo do clima. Serão abordadas as novas missões da ESA, Galileo e Copernicus e a sua importância na monitorização da Terra, além de propostas de actividades que podem ser desenvolvidas com os alunos em contexto de sala de aula.

Local da formação
Pavilhão do Conhecimento - Centro Ciência Viva

Data da formação

25 de janeiro de 2020 | Inscrições aqui | Gratuita

Consulte mais informações aqui.



Robôs em Marte

Códigos de docência 420, 500, 510, 520, 530, 540 e 550

Neste curso de formação iremos debater a importância da exploração espacial robótica, e da tecnologia em geral. Enviaremos robôs para o ambiente hostil de Marte para investigar a sua superfície! Haverá água em Marte? Utilizando kits Lego® Mindstorms EV3, iremos montar e programar pequenos robôs que terão de se movimentar através de um percurso predefinido. Através de sensores analisaremos o ambiente circundante para introduzir conceitos curriculares de Matemática, Geografia, Geologia, Biologia, Física e Química.

Local da formação
Pavilhão do Conhecimento - Centro Ciência Viva

Data da formação

25 de janeiro de 2020 | Inscrições aqui | Gratuita

Consulte mais informações aqui.



Treino de Astonautas

Professores de 2º e 3º ciclos, em particular grupo de docência 620.

Neste curso de formação iremos debater os impactos da exploração espacial tripulada. Porque é que enviamos astronautas para o Espaço? Iremos abordar as condições especiais existentes na Estação Espacial Internacional e a importância do trabalho dos astronautas.

Através de uma série de exercícios desenvolvidos para a Missão X, pela Faculdade de Motricidade Humana, iremos demonstrar alguns dos efeitos de viver no espaço no corpo humano.

Local da formação
Pavilhão do Conhecimento - Centro Ciência Viva

Data da formação

11 de janeiro de 2020 | Inscrições aqui | Gratuita

Consulte mais informações aqui.

 

 


Peixes de água doce - como garantir a sua sobrevivência

Códigos de docência 110, 230 e 520

Por não terem valor comercial, os peixes de água doce nativos são frequentemente negligenciados, apesar da sua extrema importância nos ecossistemas fluviais. Trata-se de um dos grupos taxonómicos mais ameaçados à escala mundial, em consequência de um conjunto de ameaças que inclui a destruição de habitats, contaminação por poluentes, proliferação de espécies exóticas e alterações climáticas decorrentes do aquecimento global. Esta Ação de Curta Duração pretende servir como um contributo para um conhecimento sólido acerca das espécies nativas de peixes de água doce, das ameaças que enfrentam e das medidas de conservação que podem ser implementadas para minimizar o seu risco de extinção. Pretende-se que, no final desta Ação, os formandos saibam identificar as espécies nativas de peixes de água doce; adquiram noções acerca dos principais métodos e técnicas de amostragem para fins científicos; e, adquiram noções teóricas acerca das ferramentas atualmente disponíveis com vista à conservação destas espécies.

Local da formação

Componente teórica – EB1 Faião, Terrugem (Sintra).

Componente prática – Ribeira da Cabrela, Terrugem (Sintra).


Data da formação

30 de novembro de 2019 | Inscrições Encerradas | Gratuita

Consulte mais informações aqui.

 


Exoplanetas, introdução às técnicas e deteção de planetas extrassolares

Códigos de docência 500, 510, 520 e 550

Desde a deteção, em 1995, do primeiro exoplaneta em órbita a um outro sol, mais de 3800 planetas extrassolares foram entretanto confirmados. Nesta ação de formação, dinamizada por astrónomos profissionais, pretende-se trabalhar os conceitos básicos subjacentes à deteção de planetas extrassolares, culminando na deteção de um planeta com recurso a dados científicos reais.

Local da formação
Planetário do Porto - Centro Ciência Viva

Data da formação

16 de novembro de 2019 | Inscrições Encerradas | Gratuita

Consulte mais informações aqui.

 

 

 

Ver mais informações sobre o Centro de Formação Ciência Viva   



SOBRE

Agência Ciência Viva

Missão

Sustentabilidade e Responsabilidade Social

Valores

Visão

Associados

Equipa

Logotipo - Download

Parceiros Internacionais

Imprensa

Regulamento - Rede de Centros Ciência Viva

Politica de Privacidade

CONTACTOS

Correio electrónico

Politica de Privacidade

Tel: (+351) 21 898 50 20

Fax: (+351) 21 898 50 55

Pavilhão do Conhecimento - Centro Ciência Viva
Largo José Mariano Gago n.º1
Parque das Nações
1990-073 Lisboa, Portugal


NEWSLETTER